Você não está autenticado.

Anúncio

Arch Linux Brasil está precisando de sua colaboração para realizar o pagamento do domínio e do host, para colaborar, realizar doações via paypal.

Para mais informações: contato at archlinux-br.org.

#1 Re: Pacman, ABS, AUR & problemas de atualização » Yaourt não baixa o PKGBUILD » 28/01/2014 17:38:42

Aqui está baixando normal...

Tentou assim?

$ yaourt -S aur/grub2-theme-arch-suse

#2 Re: Dúvidas gerais » [Dica] Resolvendo travamentos periodicos » 22/11/2013 14:12:53

Isso na verdade é um problema no seu disco... O cache melhora o desempenho de leitura/gravação de dados aproveitando a memória disponível (ao invés de gravas os dados, o kernel grava na memória ram, e em um momento de menos congestionamento, ele grava no HD...), ou seja, se dados em cache forem solicitados, não será necessário acessar o HD, tudo será lido a partir da RAM.

Mas se por algum momento os dados em cache na RAM forem diferentes do que estão no HD, será necessário executar uma limpeza e regravação dos dados 'sujos', quem faz isso é o kernel, automaticamente através do pdflush.

O dirt_background_bytes é uma variável que define o quanto de memória RAM (em bytes) pode conter esses dados 'sujos' antes que o pdflush seja executado, enquanto a variável dirty_bytes define o quanto cada processo pode preencher com cache 'sujo' antes de ser forçado a escrever tudo no disco em vez de continuar gravando no cache. Quando isso acontece, as gravações de todos os processos são bloqueadas, e não apenas do que encheu o cache de gravação... isso pode causar esses travamentos periódicos, onde na verdade pode ser apenas um único processo bloqueando todo o I/O do sistema...

https://www.kernel.org/doc/Documentation/sysctl/vm.txt

#4 Re: Dúvidas gerais » [RESOLVIDO] qual comando desligar e ligar um dispositivo USB no arch? » 15/01/2013 19:46:26

A maneira mais apropriada seria enviar a instrução direto ao dispositivo, em vez de descarregar o módulo. Truque antigo para powersave....

Encontre o dispositivo e o caminho correspondente com o comando:

# for dev in $(ls /sys/bus/usb/devices/*/product); do echo $dev;cat $dev; echo; done

(Substítua o XXX abaixo pelo caminho correto)

E force sua suspensão:

# echo "0" > "/sys/bus/usb/devices/XXX/power/autosuspend"
# echo "auto" > "/sys/bus/usb/devices/XXX/power/level"

Para reverter:

# echo -n "2000" >/sys/bus/usb/devices/XXX/power/autosuspend_delay_ms
# echo -n "on" >/sys/bus/usb/devices/XXX/power/control

#5 Re: Dúvidas gerais » [resolvido] Como instalar e ativar um esquema de som - XFCE » 28/12/2012 21:13:48

M4rQu1Nh0S escreveu:
corvolino escreveu:

coloque [RESOLVIDO] no tópico por favor.

espere!! ainda não está resolvido!

ainda estou procurando uma solução para deixar o modulo ativado por padrão!!!

M4rQu1Nh0S escreveu:

Mas eu posso colocar esse modulo no arquivo /etc/rc.conf ??
posso usar esse arquivo para carregar o modulo??? e como faço para adiciona-lo ao arquivo?

preciso de uma resposta para conseguir deixar tudo nos trinques!

Funciona perfeitamente tanto no alsa, quanto no pulseaudio, você só tem que desinstalar os pacotes do canberra referentes ao pulseaudio para funcionar no alsa.

Esse é um módulo do GTK, não do Kernel. Você não pode incluir no seu rc.conf

O módulo já é 'ativado' por padrão ao iniciar o X, pelo arquivo:
/etc/X11/xinit/xinitrc.d/40-libcanberra-gtk-module

Se, e somente se, o seu $GTK_MODULES não listar o módulo canberra-gtk-module, basta fazer um export:

export GTK_MODULES="$GTK_MODULES:canberra-gtk-module"

Obs.: É importante frizar que se estiver utilizando o gnome, isso já é feito automaticamente pelo gnome-settings-daemon. Neste caso não é necessário nem o export, nem o 40-libcanberra-gtk-module.

#6 Re: Dúvidas gerais » [resolvido] Como instalar e ativar um esquema de som - XFCE » 10/12/2012 17:52:06

Na verdade, você deve colocar o nome do esquema de som que está dentro do arquivo index. Você pode obtê-lo com o comando:

cat /usr/share/sounds/<tema>/index.theme

substituindo <tema> pela pasta onde está seu tema. Por conveniência, o nome costuma ser o mesmo da pasta em que o tema está.

Você deve alterar o valor da propriedade SoundThemeName para o nome encontrado. No xfce vode fazer com esse comando:

xfconf-query -c xsettings -p /Net/SoundThemeName -s <Nome do Tema>

E ativar a execução dos sons:

xfconf-query -c xsettings -p /Net/EnableEventSounds -s true
xfconf-query -c xsettings -p /Net/EnableInputFeedbackSounds -s true

Há mais dois arquivos que podem interferir. O arquivo de configuração do gtk2 e do gtk3, ~/.gtkrc-2.0 e ~/.config/gtk-3.0/settings.ini respectivamente. As propriedades desses arquivos podem sobrepor a configuração do sistema, então verifique se ambos tem os valores corretos:

gtk-enable-event-sounds=1
gtk-enable-input-feedback-sounds=1
gtk-sound-theme-name=<Nome do Tema>

Faça o teste com o canberra-gtk-play utilizando algum id de som do sistema, por exemplo:

canberra-gtk-play --id=complete-media-burn
canberra-gtk-play --id=dialog-warning
canberra-gtk-play --id=bell

Lembrando que para funcionar, o tema usado deve conter um arquivo de som correspondente ao id indicado. Você pode obter uma lista completa dos ids aqui: http://0pointer.de/public/sound-naming-spec.html

* Caso seu sistema seja x86_64, você pode instalar o pacote lib32-libcanberra para compatibilidade multilib.
* Se utiliza pulseaudio, é necessário instalar o pacote libcanberra-pulse para integração. (e lib32-libcanberra-pulse para x86_64).

Se ainda não funcionar, verifique se os módulos do canberra estão sendo carregados junto com sua sessão:

$ echo $GTK_MODULES

Acho que é só isso... qualquer coisa é só dizer.

#8 Re: Dúvidas gerais » [DICA] LADSPA efeitos no veromix » 16/09/2012 20:33:40

hotvic escreveu:

mais de alguma maneira o veromix só detectou os plugins do ladspa após a instalação do ladspa-sdk compilado dos fontes, não sei porque isso aconteceu.

Mais de qualquer maneira quem tiver problemas com o veromix tá aqui o tópico.

Aconteceu devido a variável LADSPA_PATH não setada. Provavelmente um bug do pacote. Esse bug já foi resolvido anteriormente mas alguem atualizou o pacote e deve ter se esquecido de adicionar o script do profile.d...

Bom, para executar com o pacote original sem erros, basta fazer um export:

$ export LADSPA_PATH=/usr/lib/ladspa

#10 Re: Dúvidas gerais » [DICA] LADSPA efeitos no veromix » 16/09/2012 08:13:25

O pacote ladspa-sdk no arch só possue nomeação diferente, mas existe nos repositórios oficiais.

ladspa e ladspa-sdk é o mesmo pacote, compare:

http://www.archlinux.org/packages/extra … spa/files/

http://packages.debian.org/pt-br/squeez … k/filelist

wink

#12 Ambientes gráficos » KDE 4.9.1, que belo trabalho! » 07/09/2012 14:45:03

Mrk3004
Respostas: 4

Eu sempre fui usuário de ambientes minimalista, usar o kde era uma tarefa bem nojenta, mas de uns tempos pra cá passei a ver esse ambiente com outros olhos e decidi apostar nele. Passando diretamente do openbox para o kde, claro que precisei forçar a remoção de algumas frescuras, mas fiquei feliz com o que conheci. De todos os ambientes que ja passei o kde foi o mais completo e consolidado que ví, embora eu discorde um pouco sobre a maneira como é desenvolvido, ele se mostrou bem estável.

A atualização do KDE para a versão 4.9.1 me impressionou muito por ter melhorias em relação ao desempenho extremamente notáveis. Mesmo eu não usando praticamente nenhum aplicativo do conjunto padrão do kde (kdepim,nepomuk,strigi,etc), o ambiente se tornou muito mais fluido e o tempo de resposta e abertura de aplicativos também melhoraram muito.

Estou feliz que finalmente pude me aproximar mais desse ambiente tão mal compreendido. Este tópico é apenas para dizer que se você também gostaria de apostar nele, acho que a hora é essa.

Novidades da versão:
http://www.kde.org/announcements/4.9/plasma-pt_BR.php
http://www.kde.org/announcements/4.9/platform-pt_BR.php
http://www.kde.org/announcements/4.9/ap … -pt_BR.php

#13 Re: Usando o Arch Linux » [Dica]Videos azulados no youtube, como resolver! » 03/09/2012 22:40:59

rutgerr escreveu:

Na realidade, basta, você clicar com o botão direito no vídeo, e desabilitar a aceleração por hardware, e realmente é um problema só nas nvidia até onde sei.

Tente assistir um vídeo em 1080p, em tela cheia e em uma tv de 60 polegadas com a aceleração por hardware desativada[1]... Eu acho interessante encontrar soluções para contornar problemas como esse, mas também temos que pensar em resolver os problemas.

NVIDIA: Não é um problema da nvidia. Ativar a aceleração por hardware também ativa o wrapper de decodificação vdpau, e neste ponto parece começar os problemas[2]. A NVIDIA publicou uma solução com um patch para o vdpau que visa contornar o problema[3]. Isso não é uma solução de fato, é apenas uma gambiarra para o flash funcionar corretamente já que por parte da adobe não se pode esperar muito.

NOUVEAU: Esse problema não acontece utilizando noveau porque esse tipo de decodificação ainda não é suportado por ele.

VDPAU: O vdpau é apenas uma biblioteca que permite aos reprodutores de vídeo usar a decodificação vdpau, então o problema está mais especificadamente no aplicativo que o usa, do contrário TODOS os aplicativos reprodutores de vídeo que utilizam aceleração por hardware teriam o mesmo problema e não apenas o flash.

FLASH: A única causa restante é o flash, tudo aponta para ele. Um teste rápido: Faça o downgrade do flash para o 10.1[4] e você verá que tudo funciona perfeitamente, o que isso propõe?

Pode ser criado algumas condições no driver nvidia para resolver este problema, sim pode, mas não seria o mais adequado. Imagine que derrepente você cria um software qualquer que utiliza recursos de um software que eu criei, mas o seu software possue incompatibilidades. Acha que eu deveria criar uma condição e modificar o meu código para ser compativel com sua gambiarra? Ou será que o melhor não seria você corrigir seu programa?

Sabe porque a adobe descontinuou o flash para dispositivos móveis e também para o Linux? Porque o código estava tão mal feito que nem os próprios criadores conseguiam trabalha-lo. Não é atoa que vira e mexe surge a noticia que a adobe despençou algumas centenas de funcionários. A culpa não é totalmente dos programadores, a adobe não soube criar uma estrutura descente para o projeto, causando toda essa confusão. Isso não é de hoje, eles deviam ter previsto isso quando compraram a macromedia, mas quem sou eu para julgar.

[1]http://en.wikipedia.org/wiki/Nvidia_Pur … ature_Sets
[2]http://www.nvnews.net/vbulletin/showpos … ostcount=6
[3]http://www.nvnews.net/vbulletin/showpos … tcount=104
[4]http://helpx.adobe.com/flash-player/kb/ … d_versions

#14 Re: Usando o Arch Linux » [Dica]Videos azulados no youtube, como resolver! » 03/09/2012 11:09:54

Onde você viu essa correção no site da nvidia? Que eu saiba isso não é culpa da nvidia. A única correção da nvidia que ví referente ao flash foi o do problema de corrupção ao redimensionar vídeos do youtube e apps semelhantes.

Eu não sei exatamente o que acontece com os desenvolvedores do flash, ou eles pensam que somos trouxas ou são muito incompetentes mesmo. Aliáis, desenvolvedores da adobe, pois quando o flash pertencia a macromedia era tudo uma maravilha.

Estou postando apenas para quem quiser entender a situação. Não vou comentar, apenas acesse os links, leia atentamente e perceba o que eles estão fazendo. Está tão óbvio que não precisa nem ser desenvolvedor para notar.

25/12/2011
https://bugbase.adobe.com/index.cfm?eve … id=3077076

25/01/2012
https://bugbase.adobe.com/index.cfm?eve … id=3097844

22/02/2012
https://bugbase.adobe.com/index.cfm?eve … id=3120888

13/03/2012
https://bugbase.adobe.com/index.cfm?eve … id=3136745

12/04/2012
https://bugbase.adobe.com/index.cfm?eve … id=3164063

15/05/2012
https://bugbase.adobe.com/index.cfm?eve … id=3190869

#15 Re: Usando o Arch Linux » [Resolvido] Editor de menus Alacarte não inicia ('alacarte-xfce') » 01/09/2012 05:18:40

Henriquenunnes escreveu:

Olá galera tudo bom?

Então os links não estão funcionando... há outros?

Abraço!

Links ok!

Obrigado por avisar smile

#16 Pacman, ABS, AUR & problemas de atualização » [PKGBUILD] kde-light: kde o mais leve possível » 27/08/2012 05:53:29

Mrk3004
Respostas: 1

Olá amigos, hoje eu venho compartilhar uma experiência com o meu ex pior inimigo: O KDE.

Desde que comecei a usa-lo percebi que havia vários processos desnecessários em execução e recursos que eu jamais chegaria a usar. Estavam apenas desperdiçando recursos, e tornando o kde desagradável, assim surgiu o kde-light, um pacote que visa remover tais recursos sem prejudicar a usabilidade do sistema.

Estou compartilhando este pacote pois caso alguem queira testar seria interessante, assim eu poderia ver as coisas de angulos diferentes e melhorar esse pacote. Ele funciona bem da forma que eu uso o meu desktop, mas pode ser que da forma que você use, algumas coisas passem a não funcionar como esperado. Poderiamos resolver estes problemas e/ou encontrar métodos alternativos de fazer a mesma coisa sem necessitar de serviços pesados.

Para se ter uma ideia, aqui está uma lista do que antes era dependência e com o kde-light não é mais necessário:

strigi
exiv2
akonadi
nepomuk-core
soprano
rasqal
redland
redland-storage-virtuoso
libiodbc
virtuoso
virtuoso-base
libmysqlclient
mysql-clients
mysql
kdebae-konq-plugins
kdebase-konqueror
tidyhtml
kdebase-krite
kdebase-katepart
kdebase-kfind
kdebase-keditbookmarks

O que basicamente o PKGBUILD faz é substituir alguns pacotes por outros que contém apenas bibliotecas essenciais. Também há alguns pacotes fakes, eles fingem instalar certos pacotes que provêm funções extras mas que estão marcados como dependências em pacotes do kde. Isso foi feito para não ser necessário modificar todos os pacotes do mainline com dependências diferentes. Nenhuma alteração no source dos aplicativos é feita, somente há alteração nos pacotes e suas dependências.

Também incluí ao pacote um script chamado 'faststartkde' que pode ser utilizado para substituir o 'startkde' e iniciar sua sessão mais rapidamente.

Alguns pontos que devem ser levados em conta:

1) Este é um pacote experimental.

2) É compartilhado na esperança de ser útil, não me responsabilizo por nenhum dano causado pelo mau uso do mesmo.

3) Você pode postar problemas enfrentados ao instalar o kde-light aqui neste tópico, como por exemplo, algum aplicativo específico que não esteja funcionando com o kde-light instalado, assim podemos encontrar solução para o problema.

4) É impossível liberar recursos sem abrir mão de alguma coisa. A ideia do pacote é abrir mão daquilo que você não usa para liberar esses recursos.

5) NUNCA envie esse pacote ao aur, ele não segue as diretrizes de empacotamento. Existe vários subpacotes nesse PKGBUILD, isso leva a sérios problemas caso ele não seja construido e instalado manualmente, pois estamos alterando dependências de um ambiente inteiro.

6) NUNCA separe os pacotes contidos nesse PKGBUILD. A razão pela qual foram feitos juntos, é justamente porque instalar pacotes isolados imposibilitaria a reversão posterior, podendo até mesmo quebrar seu sistema. Devem ser instalado juntos e, se necessário, removidos juntos, nunca individualmente.

7) Não use esse pacote em um computador que não possua o KDE instalado, essa situação ainda não foi testada e provavelmente faltariam dependências. Primeiro instale o KDE normalmente, depois este pacote.

----- ~ -----

COMO INSTALAR/DESINSTALAR

A instalação:

1) Baixe o kde-light no fim da página
2) descompacte com o comando: $ tar xfv kde-light-4*.src.tar.gz
3) entre na pasta kde-light: $ cd kde-light
4) construa com o comando: $ makepkg -sf
(Caso haja alguma dependência não encontrada, significa que ela está no aur. Instale-a normalmente e depois execute novamente o makepkg -sf)
5) instale os pacotes criados, com o comando: # pacman -U *.tar.xz
(Ignore os avisos sobre dependências cíclicas, é perfeitamente normal neste caso. Aceite a remoção de pacotes conflitantes)
6) Caso haja algum pacote que possa ser removido o kde-light irá informar após a instalação. Você não é obrigado a remover estes pacotes, o kde-light apenas diz a você que eles não são mais necessários e que você pode remove-los tranquilamente. Vale lembrar que se existir pacotes nesta lista que executam daemons, ele não será desabilitado até que seja removido.

A desinstalação:

Execute os comandos na ordem em que aparecem:

IMPORTANTE: Não reinicie o computador e não pare a execução até que o processo abaixo esteja completo:

# pacman -Rdd kde-light
# pacman -Rcns libstreams-kde-light libstreamanalyzer-kde-light
# pacman -S strigi soprano kdepim-runtime nepomuk-core

Aceite a remoção dos pacotes conflitantes.

ATUALIZAÇÃO DO KDE-LIGHT (4.9.0 -> 4.9.1 -> 4.9.2)

Os pasos descritos abaixo somente é válido para a atualização, caso seja a primeira vez que esteja instalando esse pacote, utilize o método já descrito acima em #Instalação.

[System V] Se você NÃO está utilizando systemd, siga estes passos:

1) Baixe o kde-light no fim da página
2) Compile com o comando: $ makepkg -sfd
3) Instale: # pacman -Ud *.tar.xz
(Ignore os avisos sobre dependências cíclicas, é perfeitamente normal neste caso. Aceite a remoção de pacotes conflitantes)
4) Atualize seu sistema: # pacman -Syu

[systemd] Se você está utilizando systemd, siga estes passos:

1) Baixe o kdebase-workspace-systemd
2) Compile: $ makepkg -sf
3) Instale com o comando: # pacman -Ud kdebase-workspace-systemd-4.9.2*.xz
4) Baixe o kde-light no fim da página
5) Compile com o comando: $ makepkg -sfd
6) Instale: # pacman -Ud *.tar.xz
(Ignore os avisos sobre dependências cíclicas, é perfeitamente normal neste caso. Aceite a remoção de pacotes conflitantes)
7) Atualize seu sistema: # pacman -Syu

----- ~ -----

PROBLEMAS COMUNS

O applet do relógio digital/analógico não funcionam
Este problema já foi consertado no kde-light-4.9.2-2. Mas caso seja necessário o pacote kdeplasma-applets-simpleclock (aur) está disponível no aur para prover essa funcionalidade.

Uso o systemd e as opções de desligar e reiniciar desapareceram do menu
Instale o pacote kdebase-workspace-systemd (aur).

A informação copiada (ctrl+c) se perde após fechar um programa
Instale o pacote pasteall, ele gerencia a informação do seu clipboard enquanto realiza suas tarefas, assim como faz o klipper, mas ao contrário deste ele não possue interface e não armazena histórico, realizando apenas a tarefa realmente necessária que é a de 'segurar' a informação. Ele funciona com texto, arquivos e imagens. (o kde-light já está configurado para inicializa-lo automaticamente a cada boot).

----- Histórico de versões -----
kde-light-4.9.2-2.src.tar.gz - 0c130240ee45f1eb3c33a0f1d80c502f
kde-light-4.9.2-1.src.tar.gz - e6a5bde7cf93d86ec5912580ca79ef80
kde-light-4.9.1-1.src.tar.gz - b3226bf5f6649bfbc3ca472240582d94
kde-light-4.9.0-6.src.tar.gz - 3dfe2e27701485d23e2f274de11ad18c
kde-light-4.9.0-5.src.tar.gz - e2b8aedbda78edbc259dac348fc7fc4c

#17 Re: Listagem de programas » Jogos » 27/08/2012 03:34:30

Bom, eu não sou um fanático por games, gosto muito de jogos indie mas são poucos que conseguem me trazer algum entertenimento por muito tempo. Ao meu ver o mercado de games no linux está indo bem, vejo vários lançamentos e alguns títulos bons com preços razoáveis. Sinceramente acho que o que dizem sobre não existir jogos para linux está diretamente ligado a pirataria, mas é só um palpite.

Mas vamos ao que interessa:

Amnesia: The Dark Descent, um jogo realmente sensacional, o terror psicológico que ele te submete é sem igual, raramente vejo jogos assim (sinceramente esse foi o único), recomendo a todos. O meu Amnesia veio incluido no The Humble Indie Bundle V, esse pacote realmente valeu a pena, jogos realmente bem feitos. Os que posso destacar são Bastion e Limbo, gostei muito.

Um outro que poderia indicar é o Osmos, onde você controla uma molécula de energia. Acho muito interessante lidar com o mundo microscópio em games, o osmos caiu como uma luva. Também vale apena dar uma conferida.

VVVVV Esse é um jogo que já tenho faz algum tempo, mas nunca tinha parado para jogar e ver do que se tratava. Para minha supresa é um jogo bem divertido. Você usa pulos para inverter a gravidade e assim se livrar de armadilhas. Em alguns momentos a coisa se torna bem complicada e você precisará usar um pouco de estratégia e lógica para chegar ao objetivo. Também recomendo.

Mais recentemente conheci o Bit Trip Runner, que é uma ótima pedida. Você controla um personagem que precisa passar por obstaculos e coletar itens. A grande sacada é que cada movimento que você faz altera a música que rola enquanto joga, acho interessante jogos que permitem essa interação com o audio, de forma que suas ações influenciam a música ou o som ambiente.

#18 Re: Dúvidas gerais » Ctrl + F5 não funciona » 27/08/2012 02:11:47

tsouzar escreveu:

Mas e nos outros navegadores? [...]

Basta olhar a documentação ou até mesmo o google, é certeza que alguem muito paciênte escreveu todas as informações em algum lugar só para você aprender como faz, ainda mais em softwares tão usados como navegadores. Imagine quantas zilhões pessoas já não se fizeram essa mesma pergunta sobre atalhos...

tsouzar escreveu:

[...] Além disso, detesto atalhos com combinação de mais de duas teclas :s

Você pode alterá-los, pesquise.

#19 Re: Dúvidas gerais » Como migrar para systemd? » 27/08/2012 01:39:30

tsouzar escreveu:
sistematico escreveu:

Não alterei meu fstab, continuam /, /home, swap e etc, todos nos fstab.
Não conheço esse tal de root.mount big_smile

Segundo o carinha lá no começo do tópico, se ficar usando os métodos do init não vai adiantar muita coisa...
Sobre os .mount, aqui: https://www.ibm.com/developerworks/myde … lang=pt_br
Achei os .mount e .automount melhor que fstab smile

O fstab não é um arquivo de script, é lido de uma maneira bem diferente e não entra na descrição que postei. A diferença entre o fstab e os arquivos de montagem fica apenas na organização e no gerenciamento dessas montagens (com units [.mount] você pode definir algumas opções extras como por exemplo, dependências e automontagem).

#21 Re: Dúvidas gerais » Como migrar para systemd? » 18/08/2012 15:42:15

tsouzar escreveu:

Obrigado, vou ver se testo ele big_smile
Mais uma coisa: as configurações de inicialização automática de daemons, serviços e aplicativos vão ser automaticamente migrados pro modo do systemd, ou tenho que fazer tudo manualmente com o systemctl enable...?

Não, o systemd trabalha com arquivos de serviços (mais conhecidos como units).

Leia aqui que você entenderá melhor como funciona isso:

https://www.ibm.com/developerworks/myde … lang=pt_br

O artigo que te passei acima é uma série completa que abrange todas as areas, inclusive já indiquei no grupo de discução um tempo atrás. Caso queira ler, aqui estão todos os links:

Bê-á-bá do Systemd, parte 1
Bê-á-bá do Systemd, parte 2
Bê-á-bá do Systemd, parte 3
Bê-á-bá do Systemd, parte 4
Bê-á-bá do Systemd, parte 5
Bê-á-bá do Systemd, parte 6

#22 Re: Dúvidas gerais » Como migrar para systemd? » 18/08/2012 03:36:23

tsouzar escreveu:

Ah, falou em perda de recursos, então deixa pra lá, kkk. Achei que iria melhorar as coisas '-'
Como pode ver na minha assinatura, toda e qualquer gasto adicional faz diferença.

Bom, talvez tenha me expressado mal. O que quis dizer é que se você usar recursos do systemv no systemd, ele acabará se igualando ao systemv, perdendo assim a sua posibilidade de se tornar melhor em questão de desempenho. Mas fato de usar o systemd já garante um gerenciamento muito melhor do sistema, pois ele possuí um suporte melhorado a paralelismo de processos, isso já o torna superior.

O único jeito de conhece-lo de verdade é fazendo testes e tirando suas próprias conclusões, eu estou satisfeito com o que vejo hoje, e acredito que também ficará.

#23 Re: Kernel, patch e .config » Patch do BFS funciona no Arch? » 18/08/2012 03:25:56

E aqui começa uma jornada sem fim de muitas compilações e patchs hehe

Atualmente não estou tendo muito tempo para testar novas implementações, mas desde que conheci o kernel-zen não o troquei mais, pois reune todos os patchs que costumava usar anteriormente, além de várias melhorias que podem ser acompanhadas diretamente no git. Está em constante atualizações e se mostrou bem satisfatório.

Você está indo pelo caminho correto, IMO só é possível ver uma grande melhoria se você souber exatamente o que o patch está fazendo, onde está atuando.

Sobre o linux-ck, não pense nele apenas como um amontoado de 'patchs inseridos', este é um longo trabalho de Con Kolivas para otimizar as latências do kernel linux para funcionar melhor com desktops. Seria bom dar uma olhada sobre essa "história" também, é bem interessante. A causa da criação dos patchs -ck vai te deixar com vontade de usa-lo e estuda-lo hehe.

Abraços e boas compilações.

#24 Re: Dúvidas gerais » Como migrar para systemd? » 18/08/2012 03:04:07

Ola amigo,

Bem, eu não costumo usar sistemas de compatibilidade (de modo a funcionar arquivos de configurações antigos, como o rc.conf citado e/ou qualquer outro rc script) , uso apenas o systemd puro, por isso não posso te indicar configurações em modo de compatibildade com o systemv.

Uma coisa que acho importante frizar é que cada chamada a um script externo necessitará da abertura de um shell externo (bash, zsh, etc), como o antigo systemv fazia, por isso descarte estes ao maximo e use somente os units do systemd com chamadas diretas ao binário do aplicativo, assim tudo flue melhor. Nem sempre isso é possível, mas tenha em mente que qualquer script externo executado dentro do systemd é uma perda considerável de recursos (igualando-o ao systemv).

A instalação do systemd (puro) é extremamente simples: instale o pacote systemd e indique o init nos parâmetros do kernel (init=/bin/systemd). Isso é tudo que você precisa para o systemd funcionar, o resto são pequenos ajustes como criação dos arquivos de configurações nativos, units, etc. Não há muito o que dizer sobre isso, está tudo na wiki, inclusive sobre a inicialização dos módulos que perguntou (ref).

Nessa fase de teste não delete seus arquivos de configurações antigos, assim qualquer problema ou dificuldade que tiver você pode simplesmente retirar o systemd dos parâmetros do kernel e tudo volta aos seus conformes.

A wiki do gentoo também tem ótimas informações sobre o systemd, vale apena dar uma olhada.

#25 Re: Off-Topic » Minha conta de e-mail (@archlinux.com.br) foi desativada » 05/08/2012 06:34:56

vsmoraescom escreveu:
Mrk3004 escreveu:

[email protected]

É só pedir a reativação, veja:

Atenção, todos os usuários do dominio estão suspensos por hora. solicite sua reativação através do endereço [email protected] informando seu email.

Muito obrigado, Mrk3004.
Acabei de enviar um e-mail para o endereço que você mencionou. Gostaria de saber como você recebeu/viu essa mensagem para que eu verifique caso aconteça algo parecido. Fiquei bem preocupado por não poder acessar minha conta, é minha conta de e-mail principal sem contar com a conta que eu tenho os dados do meu android.

Muito obrigado ;D

Basta entrar na página de acesso ao e-mail e clicar em "Não consegue acessar a sua conta?", lá o administrador do site pode deixar qualquer mensagem para os usuários.

Rodapé do site

Rodando com FluxBB